Pesquisar este blog

24 outubro 2009

Marcadores: ,

Sessão da tarde

Compartilhar
Mudaram de canal*

Filme Meu primeiro amorRecorte do cartaz de Meu primeiro amor (1991)

"- Não é como nos livros.
- Não, não é!"
(Constantine - 2005)

Quando eu te conheci era tudo tão perfeito, nosso riso, seu jeito, tudo alegre como eu sempre quis, um filme a cores de diretor aprendiz. A gente se entendia na cumplicidade de um olhar, a gente se amava em um abraço que não queria se soltar. A cada descoberta uma nova coincidência, aquela história parecia certa e já perdia a inocência: o nosso destino era mesmo se amar. Eu pensava que eu teria que escolher ter atração ou uma grande amizade como amor da minha vida, mas com você veio a junção disso tudo, é verdade. Só que de algumas eu não sabia. Que nem sempre que a gente ama a gente é amado, que nem todo mundo que você quer ter na cama quer você ao lado. Que o amor pode pular do início para o fim, sem se ter tido direito ao meio, pode ser assim. Porque em algum momento alguém mudou de canal sem ao menos me avisar, fiquei ali, fora do ar, tentando te encontrar. Sem legenda, nosso amor virou lenda, nossas falas não mais se entendiam, aquele nosso tempo virou reprise, reprise que eles não mais viam. Nunca tive a ilusão de que seria para sempre, mas eu também nunca achei que ao partir você me deixaria esse vazio, vazio que eles chamam de saudade e eu chamo de fracasso. Se era meu o roteiro, se o mocinho fui eu quem fiz, me responda ligeiro: aonde está o meu final feliz?

*Crônica pedida pelo fiel leitor Pedro Silvia (Pierce Lohan). Espero que goste, mocinho!

17 dos desabafos - DESABAFE!:

  1. Adorei ;D resume bem a grande parte dos relacionamentos né? Um final feliz pode demorar e bom, por mais que tenha acabado um relacionamento, houveram momentos felizes então porque não sentir saudade? rsrsrs
    parabens pelo blog lindo! bjusssss

    ResponderExcluir
  2. Cruzis, queria ter sido o primeiro a comentar. :((

    Eu amei o cartaz porque eu simplesmente amo esse filme. *-* E tenho um amor enorme pelo macaulay culkin.

    Simplesmente ficou...

    P-E-R-F-E-I-T-O

    Obrigado.

    ResponderExcluir
  3. Thammy,
    É, vamos nos apegar ao que aconteceu de bom! :D

    --
    Lohannm.,
    Ah que bom que gostou, mocinho! Foi escrito com carinho! ;)

    ResponderExcluir
  4. Muito bom!
    irei voltar aki mais vezes!
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Luh*,
    Obrigado! Bem-vinda e volte sempre! :P Beijos

    ResponderExcluir
  6. A sensibilidade e o carinho com as palavras são o seu forte. Frio na espinha e dor prazerosa no coração, foi o que eu senti lendo sua crônica.

    Sucesso e arco-íris pra vc!
    Beijoso.

    ResponderExcluir
  7. Mel Perete,
    Muito obrigado, mocinha! Um prazer seu comentário aqui, ainda mais dizendo que curtiu a crônica! :D Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Giovani Raci Paganini4 de novembro de 2009 10:45

    Adorei, primeira vez que visito o site e jah me apaixonei :P

    ResponderExcluir
  9. Giovani Raci Paganini,
    Valeu, moço! Seja bem-vindo e volte sempre! :)

    ResponderExcluir
  10. fico estagnada com tamanha habilidade!!
    PARABÉÉÉÉNS!

    te adooro :D

    ResponderExcluir
  11. Anne Caroline,
    Obrigado, mocinha! Eu que fico estagnado com seu elogio! :P

    ResponderExcluir
  12. Você não escreveu essa crônica só pro Pedro, Ruleandson... Se encaixou peeerfeitamente pra mim também! Parabéns pelo blog, sou frequentadora assídua! hahahaha :)
    beeeijos :***

    ResponderExcluir
  13. Luzia Felisberto,
    É ótimo saber que não foi só para o Pedro e que mais corações se encontram nela! Sinta como sua também! ;) Beijos e obrigado por sempre visitar o blog! :)

    ResponderExcluir

Obrigado, pela visita. Aproveite e DESABAFE você também!

"deixa, deixa, deixa eu dizer o que penso dessa vida, preciso demais desabafar"
(Ronaldo Monteiro/ Ivan Lins)

As opiniões e vontades expressas nos comentários não representam a opinião do autor deste blog.

Assine nosso feed!


Comentários não relacionados aos posts e/ou só para deixar links serão excluídos e o comentarista denunciado ao Blogger como spammer.

Fale com o blog

Envie o seu email para o blog.

Nome E-mail * Mensagem *