Pesquisar este blog

13 agosto 2009

Marcadores: , ,

Da tamanha esperança

Compartilhar
Ponto de vista amor

Cena de Sex and the city - O filme

Cena de Sex and the city - O filme (2008)

Espero que em paz recebas este bilhete:

Eu andei e pelo chão eu vi você andando ao meu lado, comigo, nos mesmos passos. Ledo engano, era só a minha própria sombra. Era só a minha sombra, mas eu queria que não fosse. São os erros costumeiros desses olhos que sempre viram "nós" onde só havia "eu". Mas era como eu via, foi como eu vi. O amor foi meu ponto de vista. E, assim, sem temer a vida, te contei meu sonho, te deixei meu ponto, que não foi final, mas foi sinal. Agora, perdido em devaneios, me questiono: por que levastes, tudo aquilo que não me destes? Da tamanha esperança, da imensa saudade, ainda carrego tudo, ainda não tenho nada.

"- Às vezes, as pessoas ficam tão tristes que não sabem lidar com a tristeza delas, aí elas escrevem bilhetes.
- Eu achava que as pessoas choravam quando estavam tristes.
- Às vezes não é o suficiente!"

(Terminator - As crônicas de Sarah Connor)

21 dos desabafos - DESABAFE!:

  1. ta dificil hein :(

    jah eh aterceira vez que tento

    adorei essa parte "São os erros costumeiros desses olhos que sempre viram "nós" onde só havia "eu". "

    e a citação de sarah connor eu adoro esse seriado.

    ResponderExcluir
  2. Pierce,
    Clica no antigo formulário, moço ou mude seu navegador para o Google Chrome! ;)

    Obrigado! E também adoro o seriado, e achei essa frase que citei de lá linda! :D

    ResponderExcluir
  3. wow cara que texto mais lindo poetico, caminhar achando que alguem e esta sozinha era só a sombra ....

    amei!!

    ResponderExcluir
  4. exoticlic.com,
    Obrigado! Que bom que gostou! :D

    ResponderExcluir
  5. Que lindo ruuu!!!
    Realmente as vezes caminhamos pensando que estamos com alguém e quando percebemos sempre estivemos só :(
    Adoooreii o texto, vc é simplismente Magnifiiicoo!!
    Beijos da tua fãaaa!!!!

    ResponderExcluir
  6. Angelica,
    Muito obrigado, mocinha! :) É mesmo triste, mas não podemos perder a esperança! Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oie Ru... boa tarde !!!:p
    Masi uma vez lindo demais o post.
    :)O amor é lindo! Pena que muitas vezes confundimos as coisas, e o que é atração, paixão, acreditamos ser o amor... o tão sonhado AMOR!
    Como diz o poeta, ninguém perde o que nunca teve não hé!!!

    Amado, Bjos

    ResponderExcluir
  8. ciinforma,
    Obrigado, linda! Com certeza sem ter tido não podemos ter perdido, mas sempre perdemos a ilusão, e, talvez, seja isso o que mais dói. :((

    ResponderExcluir
  9. Às vezes chorar não é suficiente mesmo. Também escrevo bilhetes, ajuda a desabafar. Mas mesmo com tantos escritos essa semana nada faz passar essa dor. Tempooooo passa logo e leva o que insiste em ficar aqui comigo.
    :(

    ResponderExcluir
  10. Sú...,
    É melhor escrever mesmo e desabafar de algum modo! Espero que sua dor se vá em breve! Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Primeiro prarabéns pelo site. Mostra como tu é cuidadoso com o que faz. Lindoooo e com conteúdo 10!

    Tanta gente define o amor, mas ele cada vez parece mais distante dos corações. É confundido com paixão, tesão,é tudo, menos amor...Se fosse, a gente não teria tanto essa impressão, 'de que no final olhos que sempre viram "nós" onde só havia "eu". '

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  12. Valerie,
    Muito obrigado, muito bom ler um elogio assim! :D
    É difícil mesmo diferenciar os sentimentos, mas vamos tentando! (risos)
    Abração!

    ResponderExcluir
  13. Bem , passo aqui para ler seus textos. Esso foi bom para variar...
    Sou fã.

    ResponderExcluir
  14. Isabelle,
    Agradeço, viu? Fico feliz em poder contar com sua visita e desabafo! :) Obrigado pelo carinho! Beijos!

    ResponderExcluir
  15. A gente sempre vê o que queremos, e quase nunca o que realmente é, não é verdade?


    Mas não seria essa a grande graça da vida? Ver o que é real vai deixar o mundo mais sem graça do que ele já está... Que seja sonho, mas ao menos seja colorido!

    ResponderExcluir
  16. Flavimar,
    Ainda bem que a gente se engana, para essa vida valer um pouco mais a pena! :)

    ResponderExcluir
  17. "...Agora, perdido em devaneios, me questiono: por que levastes, tudo aquilo que não me destes?..." Recentemente, estive pensando sobre isto...não fazemos "contrato" com as pessoas para que elas retribuam...mas, elas poderiam ao menos, deixar-nos antes de qualquer menção de retribuir...o talvez que machuca...um beijo pra vc, que escreve com o coração...e eu adoro isso.

    ResponderExcluir
  18. Lili,
    Também acho, se não quer retribuir: some, desaparece! (risos) :D
    Obrigado, e bem-vinda ao blog! Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigado, pela visita. Aproveite e DESABAFE você também!

"deixa, deixa, deixa eu dizer o que penso dessa vida, preciso demais desabafar"
(Ronaldo Monteiro/ Ivan Lins)

As opiniões e vontades expressas nos comentários não representam a opinião do autor deste blog.

Assine nosso feed!


Comentários não relacionados aos posts e/ou só para deixar links serão excluídos e o comentarista denunciado ao Blogger como spammer.

Fale com o blog

Envie o seu email para o blog.

Nome E-mail * Mensagem *