Pesquisar este blog

01 novembro 2008

Marcadores: ,

Procura-se um dono

Compartilhar
Porque preciso pertencer

Recorte do cartaz de Destino insólito (2002): em busca do amor

"que alguma coisa a gente tem que amar, mas o que eu não sei mais"
(Marcelo Camelo)

Eu procuro. Procuro um dono. Alguém para me chamar de meu, me tomar por seu. Acho que eu sempre procurei um dono, e enquanto escrevo me pergunto: a quem pertence todos os textos de amor que já escrevi, todas as letras digitadas que somadas não chegam nem perto do que sinto por você? Eu me questiono se tudo isso é meu, o autor, ou seu, o destinatário. Creio ser este um problema que nenhuma das teorias de comunicação que me forçaram a engolir na faculdade conseguiria responder.

Na verdade, eu sempre procurei um dono, para me sentir mais amado e menos responsável por mim. Para não me culpar por minha tristezas, nem me gabar tanto por minhas alegrias. Ter um dono para ser mais. "Dai a César o que é de César". Então, toma, leva, carrega, pois é seu. Abre a caixa de correio e pega esse pacote empoeirado, porque ele há muito lhe pertence. Ou, para ser mais moderno, baixa logo esse arquivo, antes que a data para o download expire. Tanto faz, como queria, é seu, faça o que desejar.

E, se quiser, faça de mim um caderno e escreva nas minhas páginas, que agora e sempre te pertencem, aquela história de amor que você sempre sonhou viver. Abra os olhos e acorde, ela agora é sua e de mais ninguém. Vem e me leva, seja o meu dono. Por você eu me vendo, me empresto, me dôo. Por você eu até finjo que o meu desejo, na verdade, não é ser o dono de você.

"Envelheça comigo, o melhor está por vir"
(Procura-se um amor que goste de cachorros - 2005)

7 dos desabafos - DESABAFE!:

  1. Cassandra Brunetto1 de novembro de 2008 00:26

    Fiquei sem palavras! Texto excelenteeeeee, rapaz!!!!!!!! Caraca, meu blog virou um caquinho agora, hahahaha... Parabéns mesmo!

    ResponderExcluir
  2. Parabens! Minha primeira leitura e ja foi salvo em meus favoritos! Estou boquiaberta, muito sucesso!

    ResponderExcluir
  3. Exatamente o que eu precisava ouvir no dia do meu aniversário, auehaueh.
    Sim, faço aniversário no dia 01 de novembro e nossa, vir aqui ler o seu blog tá se tornando algo que faço sempre e sempre.

    Obrigada, tá? Você de uma certa forma tá me ajudando pra caramba.

    Beijinhos, Ru!

    ResponderExcluir
  4. Cassandra,
    Obrigado! Mas deixa de bobeira, nada que você fizer com seu coração será um caquinho! Sucesso para nós!

    --
    Pamela,
    Nossa, fico muito feliz que tenha gostado assim dos textos. Obrigado e volte sempre!

    --
    Clarissa,
    Parabéns atrasado pelo seu aniversário! Fico feliz em poder ajudar alguém de alguma forma com os textos, afinal, esse blog é que me ajuda muito, de um modo que você não imagina! Muito bom contar com seu apoio também. Beijos!

    ResponderExcluir
  5. lindo, lindo, lindoooooooo!!!! mais uma vez, repito: Seus textos são maravilhosos!!!bju

    ResponderExcluir
  6. achei seu blog por acaso...
    e no primeiro texto que li ja amei!!!
    esta de parabens, é tudo muito lindo, sao textos que tocam de alguma maneira...
    agora seu blog é um dos endereços que sempre que puder farei uma visitinha :)

    ResponderExcluir
  7. Angelica,
    Maravilhoso é contar com suas visitas e comentários sempre! MUITO OBRIGADO!

    --
    Andreia
    Nada é por acaso, né? Fico feliz que tenha gostado do texto e espero que possa ler sempre os desabafos! Obrigado!

    ResponderExcluir

Obrigado, pela visita. Aproveite e DESABAFE você também!

"deixa, deixa, deixa eu dizer o que penso dessa vida, preciso demais desabafar"
(Ronaldo Monteiro/ Ivan Lins)

As opiniões e vontades expressas nos comentários não representam a opinião do autor deste blog.

Assine nosso feed!


Comentários não relacionados aos posts e/ou só para deixar links serão excluídos e o comentarista denunciado ao Blogger como spammer.

Fale com o blog

Envie o seu email para o blog.

Nome E-mail * Mensagem *