Tecle CTRL + D para adicionar aos Favoritos | Desabafos - Crônicas |. Revista  |. Frases - Tumblr  |. Você no blog |. Receba as crônicas por e-mail |. Sobre o blog e o autor | Fale conosco
Carregando...

Pelas escovas de dentes


Compartilhe no Orkut Share on Tumblr Compartilhe no Pinterest

Simplificando sonhos
Recortes de cenas de Mais estranho que a ficção (2006): escova

Todas as vezes em que escovo os meus dentes, eu seguro forte na toalha ao lado do lavatório. Seguro à tolha como quem segura em uma mão. É que quando eu escovo os meus dentes, me sinto extremamente só. Não é só porque eu não tenho ninguém, é que, às vezes, sinto que ninguém me tem. E olho para o porta-escovas e vejo que só divido espaço com a pasta de dentes do sorriso Colgate, fios dentais e enxaguantes bucais. Eles, que me ajudam a cuidar do meu sorriso, não me trazem uma outra escova de dentes para eu dividir a vida e sorrir de verdade. Eu com tanto a dividir, multiplicar e somar, vejo impotente a vida me subtrair. Ela só não me subtrai a esperança, a vontade, o desejo. Um desejo bobo de ter que colocar a escova de dentes dele na minha vida e de amar e ser amado. Desejo de todo o "seu" converter-se em "nosso". Ontem, quando fui escovar os meus dentes, segurei na toalha dele e soltei. Não precisava da toalha. Eu não me sentia mais só. Não ali, não naquele momento. Lavei o meu rosto, com a fé de quem lava a alma, e parei de sonhar com o amor da minha vida, alma gêmea, encontro de almas, e toda a necessária baboseira romântica que nos levam a sonhar, e pedi com todas as forças que ele, um dia, apenas me desse um espaço para guardar minha escova de dentes junto a dele.

"Você tá sempre indo e vindo, tudo bem...."
(Pitty)


Sobre o autor
Ruleandson%20do%20Carmo Ruleandson do Carmo , autor de todas as crônicas deste blog , é jornalista, doutorando em Ciência da Informação (UFMG) e ama falar de amor. Saiba mais
Facebook Twitter Orkut Google Plus Gmail
Desabafos - Comente
14 Desabafos - Comente

14 comentários :

  1. Têm dias que essa espera parece ter durado a vida inteira, que os dias são longos e cinzas demais enqto nada disso vem!

    E parece que o mundo inteiro conseguiu encontrar o que vc não encontra, parece que são poucos os que não tiveram a sorte...mas aí fica a questão de amar não ser a mesma coisa de se relacionar e nunca saberemos, enfim. Mas só o parecer já machuca um pouco os que de fato não têm.

    ResponderExcluir
  2. eu só queria uma escova de dentes.

    ResponderExcluir
  3. Nossa que profundidade o texto. Ou melhor todo o seu blog, todo o dia venho aqui para ler algo bonito, mas vc não posta todo o dia, pena! Mas vale à pena esperar para ler coisas assim.

    "Não ali, não naquele momento. Lavei ao meu rosto, com a fé de quem lava a alma, e parei de sonhar com o amor da minha vida, alma gêmea, encontro de almas, e toda a necessária baboseira romântica que nos levam a sonhar, e pedi com todas as forças que ele, um dia, apenas me desse um espaço para guardar minha escova de dente junto a dele."

    D+!

    ResponderExcluir
  4. eu apenas desejo que um dia o destino e a distancia parem de me impedir de unir minha escova de dente com a dele.

    muito, muito bom o seu texto!
    parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Eu só quero um dia escrever como você! cê tem um dom cara :D

    ResponderExcluir
  6. Ei Ru!
    Tava meio sumida mas voltei.
    Que ansiedade menino!
    A expressão "juntar as escovas de dentes" nunca me pareceu tão forte.
    Há um significado que transcende a união, e se transforma em cumplicidade, intimidade e compartilhamento de sonhos, objetivos e desejos.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. ei Ru.. não entendí o final:
    vc segurou a toalha dele?! vc estva com ele?! pelo menos naquele momento?!
    ta legal o texto, mas ta pra mim um pouco confuso... eu sou burrinho msm! hehe

    bJaUm GrAnDaLhAuM....
    Guilherme Andrade (S.P.)

    ps. desculpe a intimidade... rsrs
    falou mLk!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Guilherme,

    Obrigado por visitar ao blog e por comentar. Cara, textos perdem o sentido quando são explicados. Entenda como sua imaginação mandar, ok?

    Abraço.

    Ru

    ResponderExcluir
  9. ' Em meu modo de ver as coisas: um bom escritor é o q escreve o q sente, de modo q faça todos os leitores sentirem o msmo. E vc consegue fazer isso naturalmente, ou seja, vc é um BOM escritor xD

    ~ eu uso esse BloG aki só pra comentar em Blog's q eu acho q valem á pena \o/

    ' Bjoo*

    (ObS:. A menina q invadiu teu ORKUT do nada dando parabéns pelo BloG ) :p

    ResponderExcluir
  10. Profundo!!!...mas com teto altíssimo!!!

    ResponderExcluir
  11. É, eu penso "quase" a mesma coisa....
    só quis entender... oq não se explica! (ponto pra vc)

    bJaUm gRaNdAlHaUm....

    Guilherme Andrade.

    ResponderExcluir
  12. ... e, eu, só não quero mais escovas de dentes guardadas juntas.

    Se bem que quero muito voltar a querer!!! Era mais legal! rs.

    ResponderExcluir
  13. Eu so queria, que não houvesse distância, que não houvesse tempo, que não houvesse tristeza longe dele...

    ResponderExcluir

Emoticons desabafos Digite os caracteres ao lado das imagens e adicione emoticons ao seu desabafo!
Formatação desabafos Obrigado, pela visita. Aproveite e DESABAFE você também!

"deixa, deixa, deixa eu dizer o que penso dessa vida, preciso demais desabafar"
(Ronaldo Monteiro/ Ivan Lins)

As opiniões e vontades expressas nos comentários não representam a opinião do autor deste blog.

Assine nosso feed!


Comentários não relacionados aos posts e/ou só para deixar links serão excluídos e o comentarista denunciado ao Blogger como spammer.

Blog Widget by LinkWithin